Deus tem voz?

| 4 Comments

Foi-me proposto por um dos ângulos do nosso triângulo «dissertar» sobre a voz de DEUS.

Partindo do pressuposto que me sinto “agnóstico”, será para mim dífícil falar sobre esse tema.

Quando em crianças “todos” queriam ser bombeiros, polícias, cabeleireiras, médicos, donas de casa…

Para mim! EU queria ser padre, porque pensava que para se chegar a SANTO tinha que se ser padre primeiro. O que EU queria era ser SANTO.

Hoje em dia nem Papa quero ser… e Santo não sei se sou!?

Será que o tal Deus está lá sentado num trono com uma faixa ao ombro tipo presidente da república dos céus?

Quando se fala de um Deus (religiões monoteístas). Porque não haver mais que um? Assim poderíamos escolher enquanto um descansava ao fim do sétimo dia. Poderíamos escolher o mais aprazível, o mais bem disposto, o que melhor sabe escutar… mesmo sem ter voz.

Se Deus é espírito!?…. Não tem braços nem pernas nem órgãos genitais, nem coração, nem boca para beijar. Ou será que é cego, surdo e mudo? Quando tento “falar” com ele, não tem voz, não me responde.

Oh!… Deus inventado pelas crenças (judaico-cristãs). Oh!… Deuses inventados pelas crenças politeístas. Que falem!… Que tenham VOZ!….

Ou!?… Só o consigo escutar no vulcão que explode, nos tiros das balas, nas bombas atómicas e napalm, nas marés dos oceanos, na luz da Lua e do Sol, na flor que desponta na Primavera, no pinheiro que cresce no meu quintal.

Ou!? nas mais ínfimas moléculas e átomos que tenho dentro de MIM, para assim passarmos todos a evoluir e crescer neste planeta, neste COSMOS.

Será que sou panteísta (Deus é tudo)?

Oh!… Todos os deuses venham falar comigo, fazer perguntas, que lhes darei uma resposta.

4 Comments

  1. Para mim Deus existe, tem estado sempre presente nos meus bons e maus momentos e com a sua ajuda tudo tem sido ultrapassado, o meu anjo da guarda acompanha-me todos os dias, também ele é importante na minha vida, sou uma pessoa com muita fé e não me revolto se por vezes as coisas levam mais tempo a resolver não deixo de perder a minha fé pelo contrário se as coisas não se resolvem logo é porque Deus acha que não é a melhor altura, ela chegará e chega sempre. Tu Miguel tens tido uma bênção de Deus sabes que ele nunca te abandonou, teve e está sempre contigo. Apesar de esse teu dizer sou “agnóstico” sabes ele não liga, porque no fundo isso não é totalmente verdade (claro isso é o que eu penso) porque são muitos anos de longas horas de conversas e desconversas mas sempre muito positivas nas nossas vidas.

  2. Se Deus tem voz?
    Claro que sim!O meu Deus, tem.
    Nunca o ouvi, mas nos momentos mais difíceis da minha vida (e já conto alguns), quando me encontro meio perdida, há sempre uma “VOZ” que me orienta, que me indica qual o caminho a seguir.
    Será a voz de Deus?
    Não sei. Só sei que estou sózinha, pedindo-LHE que me ajude, me ilumine e me mostre o rumo que hei-de tomar. E ele “fala” comigo para me mostrar que tendo fé, até o consigo escutar.
    Cada pessoa “ouve” o seu Deus e decerto o teu também te fala. Só temos que aprender a ouvi-LO.

  3. Há dois assuntos que nunca se podem discutir, apenas conversar: a religião e a política.
    Nesta questão sobre Deus ou sobre os deuses, não importa tanto quem é o Deus ou os deuses, mas sim acreditar nalguma coisa superior que existe e que até pode não ter nome, mas que motiva a nossa fé.
    É importante ter fé, acreditar, não num Deus ou deuses, mas nessa coisa e também nas coisas da Terra.

    • Concordo com a opinião do João Roque.e compreendo-te a ti muito bem Mano. Seja o que for, há qualquetr coisa muito, muito superior ao “HOMEM”, que nos transcende a todos nós. Mas a certeza porém, é que temos que ter fé, acreditar e nas horas mais trstes da nossa vida temos sempre que ter algo a que nos agarrar, para termos força para ultrapassar esses momentos. Com isto, eu considero-me católica (embora não muito praticante).

Deixar uma resposta

Required fields are marked *.