Por acaso

| 6 Comments

Uma viagem de três amigos até Évora. Uma conversa, um pensamento, uma ideia: vamos criar um blog! Um blog a três vozes, três abordagens distintas sobre os mesmos (ou outros) temas.

E agora? Que nome lhe vamos dar?

Pensámos em vários, sugerimos vários, mas não houve concordância. Repentinamente – e talvez por acaso – surgiu “triângulo”, uma vez que representa três ângulos, três lados, Finalmente houve unanimidade. Para não termos a “carga” de uma figura geométrica, decidimos que seria antes tri-ângulo.

E foi assim, por acaso, que nasceu este blog; o blog de três amigos que sentem e pensam de maneiras diferentes, mas que se complementam nas suas divergências (ou convergências?).

A semente foi lançada naquele dia, encontrou terreno fértil e germinou. Nenhum de nós é de letras… somos pessoas comuns, como qualquer um dos nossos leitores. Falamos uma linguagem simples e exprimimo-nos como sabemos. Só isso!

Enquanto nos lerem, continuaremos a escrever, a partilhar convosco o que sentimos. Esperemos que este blog se torne num cantinho especial deste enorme mundo cibernético.

—– x —–

As pessoas entram na nossa vida e no nosso coração talvez por acaso, mas não é por acaso que queremos que permaneçam.

6 Comments

  1. Se foi por acaso que este blog foi criado, também foi por acaso que um dia vos conheci. Mas não é por acaso que este tri-ângulo nos tem dado tantos belos textos nem tão grandes pensamentos, ideias e reflexões! E, do mesmo modo, não é por acaso que, depois de vos ter conhecido (por acaso), me fiz vossa amiga e, passados mais de dez anos ainda aqui estou! Se este tri-ângulo der metade dos frutos que a nossa amizade já deu … terá valido a pena! 🙂

    • E que acaso foi esse, entre duas desconhecidas que se encontraram na internet!… Passados 10 anos mantem-se bem forte esta amizade.
      Obrigada Catarina pelas tuas simpáticas palavras. 😉

  2. Que bonito da sua parte contar aos Amigos como nasceu o Blog. Eu sinto-me vaidosa uma vez que faço parte dessa cumplicidade. visto essa hipótese ter sido inspirada com todos nós sentados à minha mesa a degustar um bom queijinho de ovelha e paio de porco preto… Que bom…. Venham mais vezes. Gosto muito de voçês…

  3. É bom saber como nasceu o blog…

  4. … nada acontece por acaso! Há sempre algo por detrás. A iniciativa, a força, a imaginação e a capacidade de fazer algo, algo diferente, por vezes coisas tão simples nos deixam cheios de coragem e conseguimos por acaso surpreender a nós mesmos… e os outros. Eu estou surpreendido! Obrigada Keta, «por ocaso» eu entrei e vou permanecer não é por acaso… Gostei! Beijo.
    Fernandes

Deixar uma resposta

Required fields are marked *.