Aquele Natal

| 4 Comments

Sim!… Aquele, quando eu era criança, e não havia «Pai Natal» mas sim o Menino Jesus.

Acreditava piamente em ti, imaginando quando de noite irias descer pela chaminé, como quem desce um rio sem atropelos, com águas límpidas como um espelho, e margens onde só se escutava o silêncio.

Punha o sapatinho na chaminé, esperando que me recompensasses por ter sido um menino bom durante todo o ano.

Lembro-me de uma noite em que ficámos frente a frente, onde trocámos um beijo a embalar uma lágrima.

E… nas nossas pálpebras molhadas, como lírios orvalhando pela manhã!

Então partiste, para não voltares mais. Porque me disseram que tu não existias, eras somente uma “coisa” de Natal inventada pelos homens.

Sim!… Nós – é preciso dizê-lo – tinhamos nascido um dentro do outro naquela noite.

Agora… Só guardo a recordação de quando eu era pequeno.

Do teu rosto recortando aquí, colando alí…

Vou esperando até que uma estrela rasgue a minha boca, para te poder beijar novamente.

E que essa noite fique transbordante de luz, para eu poder dizer para ti: Feliz Natal.

4 Comments

  1. Sim. Aquele Natal, todos aqueles Natais, quando a nossa inocência de crianças nos permitia sermos tão felizes. A Magia, o encanto, o acreditar, o ter colo da Tia, dos Avós e dos Pais… Como tudo era tão perfeito!!! Essa tua “desilusão” foi-te causada por mim, que era mais crescidinha e não consegui conter-me e contei-te a verdade. Mas éramos crianças… e a pouco e pouco a vida foi-nos mostrando que o mundo não era tão Belo como nós o imaginávamos. Hoje o Menino Jesus esqueceu-se de nós. Já perdemos todos aqueles que se empenhavam em nos fazer felizes, aqueles que vibravam com as nossas gargalhadas ao abrirmos os presentes, aqueles que se reviam no brilho dos nossos olhitos. Hoje Aqueles Natais já não existem mais. Hoje só sentimos futilidades, angústia, saudade, desprezo e sofrimento. Mas estamos cá, e se Deus quizer, vamos fazer o nosso Natal o mais parecido com os outros…

  2. Excelente!!!
    è tudo o que posso dizer…
    Um Feliz Natal também para ti.

Deixe uma resposta

Required fields are marked *.