Vida! Vida

| 10 Comments

Respiro.
Impulsiono o coração.
Palpito.
Fluo por seivas venosas
Púrpuras e argentas.
Pulso.

Serena,
Fluo e influo
Sobre a massa cinzenta.

Penso o racional.
Doo-me no emocional.

Sou a vida,
Cognitiva,
Passional e
Plena.

Betty Pereira

10 Comments

  1. Como «poeta louco e intemporal» Digo!…
    Obrigado por haver alguém que ainda se senta para escrever POESIA.

  2. A beleza da poesia é conseguir dizer tanto com tão poucas palavras … Deixa-nos pensando, deixa-nos sentindo, e, por instantes deixa-nos noutro mundo. Obrigada, Betty, por este poema tão bonito!

  3. Um poema pequenino mas bem recheado 😉
    Muito bonito.
    Um beijinho e obrigada pela partilha.

  4. É sempre bom conhecer poemas de quem os sabe escrever com sentimento.

  5. Betty, obrigada pela sua colaboração. O seu poema é lindo e era uma pena não dá-lo a conhecer.

    Um beijo e, mais uma vez, obrigada 🙂

Deixar uma resposta

Required fields are marked *.