30 de Maio de 2013
by Salvina
17 Comments

A partida

Tinha chegado o dia. Fechámos a porta de casa com a chave lá dentro. Não voltaríamos àquele local que tinha sido a nossa morada durante muito tempo. Nós já éramos o resto… o que sobrava dos muitos que tinham desistido; … Continue reading

21 de Maio de 2013
by Keta
5 Comments

O abraço

Ontem, à chegada à estação de comboios de Santa Apolónia, fui surpreendida por uma criança sorridente, de uns 3 ou 4 anos, que me surge pela frente de braços abertos, como se me esperasse vinda de uma grande viagem. O … Continue reading

13 de Maio de 2013
by Salvina
4 Comments

Encontro

Fugindo de ti para me encontrar, Encontrei-te, vi-te, falei-te E desencontrei-me. Encontro e desencontro Choque, luz e escuridão, Fiquei um pouco confusa, Sorri… e estendi-te a mão. Olhaste Desinteressadamente, Vagamente Disfarçadamente E nesse olhar que me lançaste Disfarçado, vago, desinteressado, … Continue reading

8 de Maio de 2013
by Miguel
4 Comments

Simulacro

Os dias no Inverno caem cedo, e o frio entra em nós até aos ossos, esperando um calor que nos console. À chegada para o encontro, havia olhares trocados de cumplicidade, e calorosos para amenizar esse dia frio de Inverno. … Continue reading

5 de Maio de 2013
by Keta
4 Comments

Dia da Mãe

Bem hajam as mães Que deram o seu carinho O seu colo O seu sorriso O seu amor O que de melhor tinham para dar E, tudo dando, enriqueceram Pode parecer fácil comprar um presente numa loja e simplesmente entregá-lo … Continue reading

2 de Maio de 2013
by Salvina
8 Comments

Para quê escrever?

Não sinto inspiração Para nada Ando abatida Triste Cansada. Sinto o mundo Tão pequeno Grande Profundo Sinto o mundo Sem sentir nada. Vejo Escuto Grito E não ouves Chamo Murmuro Imploro E choro. Vazio Silêncio Dor Frio E abstração Fumo … Continue reading