31 de Março de 2015
by Salvina
4 Comments

Ser velho

Ser velho não é ter vivido muitos anos, mas ter perdido o sonho, ter escorraçado a esperança. Ser velho não é ter as mãos trémulas, mas deixar de as usar para acariciar uma criança, um animal, uma flor. Ser velho … Continue reading

24 de Março de 2015
by Margarida Riscado
4 Comments

Um súbito adeus…

Partiste no dia seguinte ao teu aniversário Pai, há precisamente 11 anos atrás, sem aviso, num dia em que o Outono se tornou ainda mais cinzento. Farias 70 anos. Restam as memórias do tempo em que te tive. Esta é … Continue reading

19 de Março de 2015
by Miguel
6 Comments

Tive um pai

Resumidamente quero dizer, em jeito de desabafo, que tive um pai!… Não sei se me amou ou não? Não sei se me aceitou tal como eu era ou não? Só sei que derrubei barreiras, ao lhe falar quando ele já … Continue reading

17 de Março de 2015
by Salvina
4 Comments

Dia do pai

Era um homem rude, não posso negá-lo. Trabalhou com tractores, carros de praça, camiões. Quando voltava das viagens, o desassossego instalava-se com ele lá em casa. Praticamente não falava connosco, dava ordens. Raramente estava presente nas horas da refeição e, … Continue reading