O segredo

| 4 Comments

segredo2

O segredo é uma espécie de confissão que se faz em surdina.

Quando era criança, tinha muitos segredos. Contava-os a uma amiga especial, aproximando os meus lábios dos seus ouvidos. Eram segredos pequenos de gente pequena que dá importância às coisas pequenas pressupondo que são grandes, importantes.

Quando se conta um segredo, logo o segredo deixa de o ser. O segredo é algo virgem, nunca contado. Pode ser apenas um pensamento. Um pensamento secreto, íntimo, nosso, indizível.

À medida que cresci fui perdendo pelo caminho alguns segredos meus e outros que me foram confiados e morreram no tempo.

Mas há segredos que, de tão segredos serem, não são passíveis de partilha. Fecham-se dentro. Não se revelam a ninguém. Esses são segredos que até escondemos de nós.

Todos somos o nosso segredo e o nosso segredo somos nós. Temos direito ao segredo, para não nos esvaziarmos. E segredo não é traição, não é desconfiança, não é mentira, pode doer ou magoar quem o detém, mas é inofensivo para quem o desconhece.

Qualquer um de nós guarda sempre um segredo só seu. Temos essa prerrogativa!

4 Comments

  1. (É segredo shiiiuuu) GOSTO MUITO DE TI!… shiiiuuuuu….

  2. Segredos……. Há sempre um segredo que é só nosso, que vive e morre dentro de nós. Eu guardo sempre um segredo que me é transmitido.Mas tenho alguns, que são apenas MEUS…

Deixe uma resposta

Required fields are marked *.