“Fuga para a Vitória”

| 0 comments

Na História da Humanidade muitas foram as mulheres que se destacaram em diversas áreas, influenciando gerações que perdurarão na memória colectiva de todos. Estarás, neste momento, a questionar-te sobre a razão deste discurso tão institucional, enfadonho e já tão gasto, mãe. É simples. Tu pertences a esse grupo restrito de mulheres porque tu, mãe, representas a força singular daquelas que, anonimamente, ousaram, arriscaram, sofreram, mas, que, sobretudo, amaram de uma forma concedida apenas aos eleitos. A palavra que melhor te define é Humanismo.

Jamais alguém conhecerá a tua essência como eu conheço.
Jamais alguém saberá a importância de seres tu.
Jamais alguém irá atrever-se a ser como tu… não sabem, não sentem, não conseguem!

A altura de fazer retrospectivas está ainda muito longe. Esperam-nos ainda um sem número de viagens, de aventuras e de universos para explorar. A nossa estória jamais terá fim. O melhor ainda está para vir! Ao contrário do nosso Pessoa “tu tiraste bilhete para a vida”, contrariando todas as previsões dos velhos do restelo que atestavam que jamais sairias vencedora! Olha em teu redor… o mundo é teu!

foto_mae_fugaparaavitoria

 

Deixe uma resposta

Required fields are marked *.