23 de Outubro de 2015
by Salvina
4 Comments

O segredo

O segredo é uma espécie de confissão que se faz em surdina. Quando era criança, tinha muitos segredos. Contava-os a uma amiga especial, aproximando os meus lábios dos seus ouvidos. Eram segredos pequenos de gente pequena que dá importância às … Continue reading

21 de Junho de 2015
by Salvina
7 Comments

Mãe doente

Estás doente há uma semana. Tenho estado ao teu lado, mas não sou uma grande ajuda, porque não sei o que fazer-te. Espero pacientemente que a medicação que te deram no Hospital quando lá te levei faça efeito, que te … Continue reading

31 de Março de 2015
by Salvina
4 Comments

Ser velho

Ser velho não é ter vivido muitos anos, mas ter perdido o sonho, ter escorraçado a esperança. Ser velho não é ter as mãos trémulas, mas deixar de as usar para acariciar uma criança, um animal, uma flor. Ser velho … Continue reading

17 de Março de 2015
by Salvina
4 Comments

Dia do pai

Era um homem rude, não posso negá-lo. Trabalhou com tractores, carros de praça, camiões. Quando voltava das viagens, o desassossego instalava-se com ele lá em casa. Praticamente não falava connosco, dava ordens. Raramente estava presente nas horas da refeição e, … Continue reading

23 de Fevereiro de 2015
by Salvina
8 Comments

Porque sou pequena…

Quereria, outra vez, sentar-me no teu colo, para que me acariciasses os cabelos… Quereria sentir novamente a segurança dos teus braços, do teu abraço, do teu conforto… Quereria confiar que, contigo, nada de mal me pode acontecer…. Quereria que voltasses … Continue reading